Infraestrutura e Logística

Secretaria de Infraestrutura apresenta balanço de trabalho a empresários - 03/06/2011 17:38

O secretário José Richa Filho apresentou nesta sexta-feira (3) a empresários, dirigentes e outras lideranças a estratégia para o desenvolvimento do Estado no atual governo e fez um balanço dos primeiros cinco meses à frente da Secretaria de Infraestrutura e Logística. A apresentação aconteceu durante almoço de trabalho na sede da Associação Comercial do Paraná (ACP), em Curitiba.

José Richa Filho lembrou que o Paraná está localizado numa posição geográfica estratégica, entre a região Sul e São Paulo, sendo ainda um caminho natural para escoar a produção do Centro-Oeste e do Paraguai. Segundo ele, essa situação logística privilegiada precisa ser melhor aproveitada.

“Se as rodovias, a Ferroeste e o Porto estiverem funcionando bem, nossa economia vai crescer, com redução de custos e melhoria na qualidade de vida de nossa população”, salientou.

O secretário defendeu a melhoria e a modernização da infraestrutura já existente. “É preciso trabalhar a logística estadual dentro do conceito de multimodalidade”, disse. “O Paraná não pode mais conviver com a ausência de planejamento e integração.”

Para que isso ocorra – apontou Richa Filho –, a secretaria vem atuando para articular transversalmente os vários planos regionais existentes, e estes, por sua vez, com os planos viários da alçada federal.

“Por meio de um sistema integrado e compartilhado vamos promover o desenvolvimento do Estado, atendendo às mudanças de concentração populacional e às variações do PIB (Produto Interno Bruto) total, do PIB industrial e do PIB agrícola”, disse o secretário. Segundo Richa Filho, a nova gestão viária é fruto da análise de origens e destinos do fluxo de pessoas e de mercadorias.

O secretário ressaltou ainda que o governo do Estado deve dar prioridade ao papel de articular e de ser um indutor institucional, fazendo investimentos públicos e buscando investimentos no mercado de capitais, além de promover as Parcerias Público Privadas (PPPs) como forma de atender às demandas da sociedade.

AÇÃO INICIAL – José Richa Filho relacionou aos integrantes da ACP as principais ações na área da infraestrutura e logística durante o governo Beto Richa. Entre outras, realçou as tratativas com o governo federal para investimentos em vários modais de transporte e a busca de integração da pasta com os demais órgãos de governo estadual. Richa Filho mencionou ainda os projetos da Valec – Engenharia, Construções e Ferrovias, empresa do governo federal, para unir Maracaju (MS) ao Porto de Paranaguá através da Ferroeste.

O secretário destacou o início do processo de negociação com as concessionárias de rodovias para a revisão das tarifas e a retomada de obras no anel de integração, lembrando também o encaminhamento do Plano Diretor do Transporte Coletivo Rodoviário Intermunicipal de Passageiros (PDTCR) do Estado do Paraná.

Os empresários da ACP também foram informados sobre a criação de um plano que disciplina o acesso de caminhões ao Porto de Paranaguá, elaborado em conjunto pela prefeitura local e governos federal e estadual, assim como sobre a autorização da Capitania dos Portos para que o Estado possa aprofundar os berços de atracação do terminal paranaense.

O secretário de Infraestrutura e Logística concluiu a apresentação comunicando que já foi dado início, com aval da nova Secretaria Nacional de Aviação Civil, aos estudos destinados a elaborar o Plano Aeroviário do Estado do Paraná.

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:
  • Imprimir
  • Recomendar
  • Compartilhe
  • PDF
  • Inicial
  • Voltar

O que já publicamos sobre:

Últimas Notícias:

Leia mais

  • Assessorias de Comunicação
  • Notícias para Rádios
  • TV ao Vivo
  • Rádio ao Vivo
  • Acesse www.dioe.pr.gov.br. Informação no tempo certo.
  • Saiba tudo sobre a Nova Gripe - Gripe A - Influenza A (H1N1) - Informe-se e previna-se
  • Paraná contra a Dengue - Informe-se e Previna-se
  • Cadastre-se para receber nosso Boletim Informativo