Transportes

Pessuti vistoria obra de ampliação da pista do aeroporto de Cascavel - 28/12/2010 18:00

O governador Orlando Pessuti vistoriou nesta terça-feira (28) as obras de ampliação da pista do Aeroporto de Cascavel, serviços que estão recebendo por parte dos governo federal, estadual e municipal investimentos De R$ 6 milhões. Outros R$ 4 milhões serão investidos no terminal de passageiros. Mesmo em obras, o aeroporto continua operando normalmente.

Para Pessuti, as melhorias que estão sendo executadas para a ampliação do aeroporto de Cascavel representam a realização de um sonho de vários setores da sociedade.

“Estive aqui várias vezes, na condição de deputado, vice-governador e agora como governador, e sempre ouvi o pedido de políticos, representantes da Associação Comercial e Industrial, Igreja, clubes de serviços e indústrias para que o aeroporto fosse reformado e ampliado”, afirmou.

Ele lembrou que, por questões de segurança, o aeroporto de Cascavel terá sobre a pista atual mais 15 centímetros de pavimento asfáltico para que possa suportar aterrissagem e decolagem de aviões de grande porte.

“Portanto, vamos ter aqui um aeroporto nas mesmas condições de atendimento aeroviário de Maringá e Londrina. É sim a transformação de um sonho nosso e de toda a sociedade de Cascavel e do Oeste do Paraná”.

O prefeito Edgar Bueno fez questão de destacar que o aeroporto de Cascavel recebe uma enorme demanda, bem acima de sua capacidade, e precisava passar por obras de ampliação e reforma.

“Estas obras só estão acontecendo porque houve uma união de esforços. A parceria do município com o governo do Estado foi que viabilizou a realização desta grande obra”, disse o prefeito.

“Tenho certeza absoluta de que quando esta pista e a nova estação de passageiros forem colocadas à disposição dos usuários, vamos ampliar esta demanda. Com isto, vamos receber mais turistas e ampliar nossas relações comerciais. Cascavel está entre as cem melhores cidades brasileiras para se investir”, afirmou Bueno.

A pista de pouso e decolagem, que tem 1.615 metros de comprimento, vai passar a ter 1.735 metros. A largura de 30 metros será aumentada para 45 metros. As obras serão realizadas em duas etapas. A primeira consiste na ampliação da pista para depois ser construído um novo terminal de passageiros.

A Prefeitura de Cascavel entra com equipamentos, caminhões fazendo o serviço de terraplanagem e, consequentemente, com o DER oferecendo o material de sub-base e executando a pavimentação. Depois terá inicio a construção do novo terminal, com cerca de 2.200 mil metros quadrados.

Acompanharam ainda a visita de inspeção o deputado eleito Leonaldo Paranhos, o secretário municipal de Serviços e Obras Públicas, Paulo Gorski, o diretor geral do DER, Milton Podolaki, o presidente da Ferroeste, Neuroci Antonio Frizzo, o secretário especial de Governo, Piotre Laginski, o secretário especial para a Região Metropolitana de Cascavel, Walter Parcianello, e o secretário especial Julio Morandi.

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:
  • Imprimir
  • Recomendar
  • Compartilhe
  • PDF
  • Inicial
  • Voltar

O que já publicamos sobre:

Últimas Notícias:

Leia mais