Habitação

Cohapar entrega conjunto habitacional em Ibema - 15/10/2010 15:30

O presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Everaldo Moreno, inaugurou nesta sexta-feira (15) o conjunto habitacional Pedro Nunes da Silva, com 36 unidades, na cidade de Ibema, região Oeste do Estado. As casas receberam investimentos de R$ 756 mil e vão beneficiar famílias com renda preferencial de um salário mínimo.

O novo conjunto está localizado no centro da cidade, próximo ao posto de saúde, prefeitura e colégios. Além disso, no terreno em frente às novas casas já teve início a obra de mais uma escola municipal.

Para Moreno, a inauguração destas casas demonstra o interesse dos governos estadual e federal em melhorar a qualidade de vida da população. “Nunca se investiu tanto em habitação no nosso País. Estamos devolvendo o respeito e a dignidade às famílias que viviam em áreas precárias e ainda livrando-as do aluguel”, declarou.

O presidente da Cohapar destacou ainda que com as novas moradias as famílias podem investir na educação dos filhos. “As prestações destas casas são bem inferiores ao valor do aluguel que a maioria de vocês paga. Invistam este dinheiro que vai sobrar na educação de seus filhos, pois somente através da formação e qualificação profissional é que vocês podem garantir um futuro melhor”, garantiu.

Segundo o prefeito, Aramitan Fortunato, a entrega das casas é um momento de muita felicidade para todos. “Hoje vocês estão realizando um sonho e eu estou apenas cumprindo o meu dever, que é trabalhar para melhorar as condições de vida de cada um que mora aqui em Ibema”.

O deputado estadual Nereu Moura participou da inauguração e destacou que a partir de agora todos têm seu endereço definitivo. “Ninguém mais precisa se preocupar se o valor do aluguel vai subir ou se vai precisar mudar de casa, agora este é o lar de vocês. Aproveitem este momento de conquista”, afirmou.

Enriqueta da Silva Soares, filha de Pedro Nunes da Silva, que deu nome ao conjunto, agradeceu a homenagem e relembrou um pouco sobre a vida do pai. “Meu pai chegou aqui na década de 50 quando Ibema não era nem distrito ainda. Ele foi um dos pioneiros que ajudou a criar e desenvolver o município. Sempre lutou pelas pessoas mais necessitadas e tenho certeza que está muito feliz por dar seu nome a um conjunto que beneficia justamente as famílias mais carentes da nossa cidade”, afirmou.

Moreno finalizou dizendo ao prefeito que a Cohapar está com as portas abertas para negociar a construção de novos conjuntos para famílias com renda entre dois e cinco salários. “Pretendemos encaminhar os projetos para contratação de três mil novas unidades habitacionais junto à Caixa Econômica Federal até o fim do ano. Estamos à disposição para negociar novos projetos para Ibema”, concluiu.

As casas do conjunto Pedro Nunes da Silva têm 40 metros quadrados, com dois quartos, sala, cozinha e banheiro. As prestações médias são de R$ 60 e as famílias pagam por somente seis anos, 72 meses, sendo que o restante do valor é subsidiado pelo governo do Estado. A prefeitura é responsável pela doação do terreno e pela infraestrutura.

VIDA NOVA – Para Paulina Gonçalves da Luz Oliveira e José Alves de Oliveira, depois de 50 anos de casados, começa uma nova vida. Durante muitos anos eles moraram em um barraco de chão batido, sem água encanada, luz elétrica e banheiro. Mas como as condições estavam muito precárias, foram morar de favor com uma das filhas.

“A gente nem acreditou que ia mudar mesmo, sonhamos a vida inteira com a nossa casinha e agora está chegando a hora de mudarmos para o que é nosso. Não sabemos nem explicar essa felicidade”, disse Paulina. “Acho que é um dos dias mais felizes de nossas vidas”, falou José.

Iracema Padilha, 67 anos, paga aluguel de R$ 200 e já tem muitos planos para a casa nova. “Já comprei um fogão e um jogo de mesa, mas vou querer comprar tudo novo, ainda mais agora que vai sobrar um dinheirinho do aluguel. Eu ia todos os dias visitar a obra e hoje é o dia mais importante da minha vida, não preciso mais me preocupar em achar casa para alugar”, contou.

A família de Sirlei Chaves também paga aluguel e sonha em como vai ser a vida na casa nova. “Às vezes a gente senta e fica imaginando como será o jardim, a cozinha, cada parte do nosso lar. Foram os filhos que escolheram a cor da casa e estão loucos para mudar logo”, disse. “A partir de agora seremos mais felizes na casa que será nossa para sempre”, concluiu.

Áudio:

Recomendar esta notícia via e-mail:
  • Imprimir
  • Recomendar
  • Compartilhe
  • PDF
  • Inicial
  • Voltar

O que já publicamos sobre:

Últimas Notícias:

Leia mais

  • Assessorias de Comunicação
  • Notícias para Rádios
  • TV ao Vivo
  • Rádio ao Vivo
  • Acesse www.dioe.pr.gov.br. Informação no tempo certo.
  • Saiba tudo sobre a Nova Gripe - Gripe A - Influenza A (H1N1) - Informe-se e previna-se
  • Paraná contra a Dengue - Informe-se e Previna-se
  • Cadastre-se para receber nosso Boletim Informativo