Rádio - Noticias

03/06/2011

Ciganos terão atenção à saúde e educação do Governo


O secretário de Relações com a Comunidade, Wilson Quinteiro, se reuniu nesta quinta-feira com membros do Conselho Nacional dos Povos e Comunidades Tradicionais e com a Coordenação da Educação das Relações da Diversidade Étnico Racial, da Secretaria estadual da Educação para debater assuntos ligados aos Povos Tradicionais Ciganos. Os povos ciganos têm costumes e língua próprios e cultura é baseada no nomadismo, e justamente em razão dessa distinção que eles pedem sua inclusão nas políticas públicas do Governo do Estado, como saúde, educação, inclusão social e cidadania. De acordo com o secretário, o governo do estado quer garantir cidadania e acesso a educação aos povos tradicionais do Paraná. //SONORA WILSON QUINTEIRO Na área de educação, foi discutido a possibilidade da Secretaria da Educação implantar um curso de educação à distância, com capacitação de professores dos próprios acampamentos e com produção de material didático abordando a cultura cigana. Também pediram a liberação de cotas nas Universidades Estaduais do Paraná. Eles também reivindicam atendimento nas unidades de saúde do Estado. Por serem nômades, eles não possuem comprovante de residência e nem Registro de Nascimento e CPF, documentos que são essenciais para o atendimento. A solução, segundo o Conselho dos Povos Ciganos, é o cadastramento por meio da Associação de Moradores dos Acampamentos nas Unidades de Saúde do Estado.// (Repórter: Juliane Silva)


O que já publicamos sobre:

Últimas Notícias:

Leia mais

  • Assessorias de Comunicação
  • Notícias para Rádios
  • TV ao Vivo
  • Rádio ao Vivo
  • Acesse www.dioe.pr.gov.br. Informação no tempo certo.
  • Saiba tudo sobre a Nova Gripe - Gripe A - Influenza A (H1N1) - Informe-se e previna-se
  • Paraná contra a Dengue - Informe-se e Previna-se
  • Cadastre-se para receber nosso Boletim Informativo